Portal de eventos do IFSULDEMINAS, 11ª Jornada Científica e Tecnológica e 8º Simpósio da Pós-Graduação do IFSULDEMINAS

Tamanho da fonte: 
FORMA ATÍPICA DE COLIBACILOSE EM INFECÇÃO POR APEC (ESCHERICHIA COLI PATOGÊNICA AVIÁRIA) EM GALINHA DE POSTURA
Maiara Ferreira França Martins, Maíra Ferreira França Martins, Priscila Faria Rosa Lopes, Fabio Carvalho Dias

Última alteração: 2019-09-11

Resumo


A APEC (Escherichia coli Patogênica Aviária) é responsável por gerar grandes prejuízos econômicos na indústria avícola de postura, uma vez que pode reduzir em até 70% da produção de ovos, além de ser a principal responsável por condenação de carcaça em abatedouros, sendo denominada Colibacilose Aviária. O patotipo APEC pode levar a diferentes alterações anatomopatológicas, destacando-se as formas de onfalite, salpingite, peritonite, ooforite, celulite, artrite, colisepticemia e coligranuloma. As perdas econômicas estão intimamente ligadas à forma da doença apresentada pelas aves. Dentre os fatores que podem favorecer a presença da colibacilose em granjas comerciais, incluem superpopulação, ventilação precária, acumulação excessiva de amônia, alimentação inadequada, coccidioses, verminoses em geral e viroses respiratórias. O estudo teve como objetivo caracterizar a forma de coligranuloma baseada nas alterações anatomopatológicas encontradas durante a realização de necropsia em uma golinha de postura, uma vez que essa forma da doença é considerada bastante incomum.


Texto completo: PDF